quinta-feira, 28 de maio de 2015

PORTO DE PESCA / FISHING HARBOUR

 
 
 
N scale / DIMS.: aprox. 900 X 250mm / shelf layout 
TEMA: Porto de pesca servido por caminho de ferro
 
Volta e meia rabisco no meu caderno "futuras" maquetas que o mais certo é nunca construir. É "modelismo de sofá", mas vejo alguma utilidade nestes rabiscos que vou fazendo. Aprendo sobre coisas que nem imaginava existirem e pratico o desenho de pequenas maquetas.
Esta tem apenas 2 agulhas ao centro da cena. As cassettes à esquerda são a ligação à gare de triagem. Na cena encontram-se 3 destinos: a lota, um pequeno estaleiro naval e uma fábrica de processamento de alimentos. O observador está numa posição virada para o mar que mal vê através das estreitas vielas entre edifícios. Um viaduto com via dupla tenta bloquear a visão da abertura de passagem para a gare fantasma. É uma solução estafada que desejo evitar, subindo a altura do edifício da indústria alimentar. Talvez tenha espaço para uns quantos edifícios insinuando a zona comercial. À direita uma cassette alinhada com o armazém do estaleiro, permite remover ou carregar vagões abertos.
OPERAÇÃO
Uma DD13 entra em cena com 2 ou 3 vagões e manobra para os colocar no destino. Depois recolhe o que estiver pronto para ser expedido e volta à triagem. Os vagões já têm de vir na posição correcta, pois não existe um feixe de vias para que a máquina contorne a composição. No fundo é o que se passa na realidade, o tractor de manobras já leva para os ramais a composição com os vagões por ordem de entrega.
Neste momento não sei ainda se será uma maqueta interessante para operar. Provavelmente só saberei se a construir.
A FROTA
1 DD13, uns 8 vagões refrigerados e uns 2 plataformas.  
 
 
DD13 early paint scheme, brown with yellow stripes Kato #29751
 
 
Re12000  refrigerated vehicles built in 1954. Carries a cargo that requires temperature control, such as raw vegetables and fresh fish.
Resa 5000 refrigeration carsfor  fresh fish transport .It was introduced around 1968 for lower-speed trains, to replace older equipment. Because there were no cabooses rated for 100 kph use, the REMUFU incorporated the conductors room on the end, similarly to the KOKIFU 10000. But trucks and refrigerated containers eventually took over the traffic, and the cars were retired by 1986.
Wamu21000 on duty from 1929 until 1984, Common boxcar
TSUMU1000 / Zum 1000 ventilation car on duty from 1950 until 1985
 
 
CENÁRIO
O edifício da lota e do estaleiro serão provavelmente kits da Tomytec. Se optar por uma zona comercial da cidade, utilizarei kits da Tomytec e Grenmax. O resto será construído de raiz.
Por detrás dos edifícios, para representar a parte do mar, tenho duas opções em consideração. Incluir em trompe l'oeil os barcos de pesca ou usar kits de embarcações da Tomytec. O que se poderá ganhar em realismo com os navios em 3D perde-se em espaço, implicando uma profundidade da maqueta nuns 30 a 35cms. Uma dúvida que só poderá ser esclarecida se a maqueta for construida.
Neste projecto tenciono incluir iluminação interior nos edifícios para dar um ar "mágico" a uma cena nocturna. A iluminação geral da maqueta será com um projector portátil. Esta maqueta é para ser apresentada em cima de uma mesa. Torna-se mais confortável para o operador e para os observadores, que poderão sentar-se.
  A via será um misto de Kato e Peco, ambas em código 80. A Kato tem uns troços rectos para ligar à via Atlas. Pelo que apurei a Atlas e a peco são compatíveis, espero portanto que o conceito funcione. Os troços de via Kato destinam-se a unir firmemente as cassettes à maqueta, dispensando outro tipo de fixação.


Uma image que merece a pena ser reproduzida // An image worth to be replicated


Arquitectura industrial do pós-Guerra // Post war industrial architecture 


Ruas e vielas apertadas entre casario subindo a colina // Streets and alleys embedded in the compact urban setting going uphill

 
 
Lotes compactos, só se vêm os telhados à distância // compact plots, from far only the roofs are visible
Uma imagem muito interessante para tentar resolver o espaço à esquerda, junto à passage para a cassette // A very suggestive photo showing a solution for the left corner of the layout, next to the passage to the staging yard. 
A linha passa apertada pelos espaços livres na apertada malha urbana // the track goes through the available spaces in the dense urban setting. 


CONSTRUÇÃO
Estou tentado a usar de novo o método de "tabuleiro" em poliuretano extrudido (vulgo wallmate), com uma moldura em contraplacado fino de 3mm.  Para evitar empenos (ou minimizá-los) terei de usar perfis de madeira como reforço estrutural. A maqueta ficará extremamente leve, fácil de transportar.
A outra opção é o uso de contraplacado de 6mm, conferindo maior solidez sem complicações de montagem, mas aumentando o peso. 
 
Esta é a ideia inicial. precisa de ser trabalhada. Irei colocando aqui os desenvolvimentos deste projecto que não sei se passará à fase de construção.
Sem a preciosa ajuda de colegas modleistas no forum JNS não teria conseguido avançar como já avancei. É agradável lidar com pessoasque comentam só quando têm algo a acrescentar, não para "aparecer" como em alguns foruns. Pesquisar este tema sem ter rudimentos de Japonês é muito difícil.
 
Traçado 1 / Trackplan 1
 
Traçado 2 // Trackplan 2

///////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////
I find myself doodling in my notebook sketeches of "future" layouts. Most of them never to be built. It is "armchair  modellling", but It can be useful. I learn about things I didn't even imagined they exist and practice design of small layouts.
This one has only 2 turnouts at centre stage. The cassettes on the left are the connection to the classification yard. On stage thre are 3 destinations: the fish market, a shipyard and a food processing industry.
The observer is inland looking at the buildings by the pier. The sea is hardly seen through the narrow alleys in between the buildings. A raised double track hides the passage to the cassette of the classification yard. It is a worned out cliché that I'll gladly avoid. I might be able to find a better solutino by rising the height of the food processing industry and have a hint of a small borough around the harbour.
OPERATION
A DD13 enters stage with 2 or 3 cars to deliver to on one or all of the 3 destinatiosn. Then picks cars on the way to the classification yard. These have to be positionned correctly in the classification yard as there is no runaround on stage. The track layout is similar to prototype, but I still don't know if it will be interesting.
THE FLEET
1 DD13, some 8 refrigerated cars and a couple of flats.
SCENERY
The fishmarket will be the Tomytec kit. The shipyard might be the one from Tomytec or scracthbuilt. For the business  area, Tomytec and Greenmax have several kits to create a compact urban setting. The other buildings will be scratch built.
I'm considering a backdrop where I include glimpses of the fishing boats. It is an atractive idea as I save a lot of space, but I'm not confortable with it. I might have to go for a conservative approach and use models from Tomytec at the expense of aditional 5 cms to the widness of the layout. Aniother thing I'll only know if I build the layout.
In  this project I want to light the interior of the buildings to add a "magic" look with a night scene.
The general lighting wil be with a couple of spot lights. This layout has no feet, it is to be displayed on a table so that operator and viewers can seat. 
The track will be Peco code 80 with Kato special trnsiction tracks to connect firmly the cassettes to the layout. read somewhere that this transiction section is compatible with Atlas trak wich in turn is compatible with Peco. The purpose of using Kato is to use its characteric connection, dispensing the use of any other fastening solution.
CONSTRUCTION
I'm tempted to use again foambord for the base, finishing the whole with 3mm plywood. This thickness is too flimsy for the backdrop, so I'll have to strenghen with fine wood beams. This method assures a very light structure. The alternative is a plywood construction using 6mm plywood. Stronger but also heavy.
This is the initial idea, i'll be posting further developments.
Without the precious help form fellow modellers in JNS forum  http://www.jnsforum.com/community/index.php
I couldn't have gone so far in the research. It is very refreshing to socialize with people that engage in conversation to be helpful, not for the sheer intent of "showing up". researching this theme without rudiments of Japanese is very hard.